5 dicas para manter o foco ao estudar ou trabalhar

5 dicas para manter o foco ao estudar ou trabalhar

Voltar

 

Estudar e trabalhar, nos dias de hoje, são ações altamente necessárias, mas extremamente desafiadoras. Muitas vezes precisamos conciliar inúmeras obrigações em nosso dia a dia, sejam elas profissionais, acadêmicas ou pessoais. Dessa forma, conseguir manter o foco e atingir um nível satisfatório de produtividade pode se tornar uma tarefa bastante complicada. Para te ajudar, trazemos aqui 5 dicas que farão com que você mantenha a concentração e consiga ótimos resultados em seus projetos.  

 

Planeje o seu dia:

Planejar o que será feito no dia é o primeiro passo para conseguir manter o foco. A sensação de não saber nem por onde começar é bastante desanimadora e pode fazer com que você se atrapalhe, e muito, na hora de executar as tarefas. Ter objetivos claros e bem definidos, por outro lado, é essencial para que você se sinta motivado a cumprir as metas e se esforce mais para conseguir concluir as atividades ao final do dia. Assim, antes de “colocar a mão na massa”, faça uma lista com todos os afazeres que você pretende desenvolver e concentre-se apenas neles, evitando realizar outras atividades que não estejam no planejamento.  

 

Estabeleça prioridades:

No item anterior falamos que é preciso fazer uma lista com as atividades previstas do dia antes de começar a executá-las. Mas como fazer uma lista bem feita, que condiga com a realidade e que seja eficiente? Além de considerar a data de entrega de cada tarefa, uma boa técnica é atribuir, para cada atividade, uma nota de 1 a 5 em relação ao esforço que ela exige e uma nota de 1 a 5 em relação à sua importância.

Depois, basta dividir a nota de esforço pela nota de importância. As tarefas com as menores notas totais devem ser priorizadas, já que o impacto positivo delas será maior! Veja um exemplo:

 

Atividade a – Esforço exigido: 5 / Importância: 3 = 1,6

Atividade b – Esforço exigido: 2 / Importância: 5 = 0,4

Atividade c – Esforço exigido: 1 / Importância: 4 = 0,25

 

Neste caso, a atividade C deveria ser priorizada, pois ela não exige muito esforço e, ao mesmo tempo, tem uma grande importância. Essa estratégia é simples e prática!

 

Defina horários para atividades de lazer:

É claro que, se você deseja produzir mais, é necessário evitar distrações, como redes sociais, mensagens de celular, bate-papos com os colegas, entre outros. No entanto, ninguém é de ferro, não é mesmo? Se você cortar radicalmente todas as atividades prazerosas do seu dia, é possível que fique sobrecarregado, estressado e, consequentemente, desmotivado, o que terá um grande impacto negativo na sua produção. Portanto, o ideal é pré-estabelecer horários para realizar atividades de lazer, mesmo que essas atividades sejam simples, como navegar por algum site do seu interesse ou interagir com amigos no WhatsApp. Se você não quer definir horários específicos para relaxar, você pode estabelecer metas. Por exemplo, para cada tarefa concluída da sua lista você ganha 15 minutos de pausa para um descanso.

 

Organize o seu espaço de trabalho:

O ambiente em que você estuda ou trabalha pode influenciar bastante a sua produção. Ter um local bem organizado proporciona bem-estar e, além disso, permite que você economize tempo. Se tudo estiver em seu lugar você evitará gastar horas do seu dia procurando livros, cadernos e outros objetos importantes. Além disso, se você deixar uma garrafa de água e um lanchinho em sua mesa você não precisará ficar se levantando toda hora – correndo o risco de se distrair com outras coisas.

 

Cuide de você:

Não adianta nada querer ser super produtivo se você não tomar alguns cuidados com o seu corpo e com a sua alma. Lembre-se, antes de tudo, de que você é um ser humano (e não uma máquina). Portanto, tome pequenas atitudes diárias que podem trazer excelentes benefícios para a sua saúde e, assim, para a sua capacidade de produção. Alimente-se bem, tomando um café reforçado e escolhendo alimentos que forneçam nutrientes variados e energia para encarar o dia. Além disso, tente praticar alguma atividade física pelo menos três vezes por semana, mantendo o seu corpo ativo e a sua mente mais satisfeita.

 

Gostou das dicas? Então compartilhe este texto em suas redes sociais!

 


DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Receba nossa newsletter